Quantcast
Eventos

Sindicato dos Médicos Dentistas considera que é tempo de “dar um murro na mesa”

O Sindicato dos Médicos Dentistas (SMD), no âmbito do primeiro Odonto Summit, apelou à classe para que exista uma mudança.

O Sindicato dos Médicos Dentistas (SMD), no âmbito do primeiro Odonto Summit, que se realizou no Porto no passado dia 11 de dezembro, apelou à classe para que exista uma mudança.

“Este não é o momento de quietude, nem de confinamento aos meios eletrónicos de socialização, onde as palavras são de fácil prolação, mas de diminuta eficiência. É tempo de deixar os sofás e participar ativamente neste tipo de encontros de interesse individual e coletivo. É tempo de coesiva união, verticalidade, resiliência e, como disse o dr. João Pimenta no vídeo que intencionalmente enviou, ‘dar um murro na mesa’ “, afirma o sindicato, em comunicado.

 

As declarações surgem depois de as intervenções no evento, que se centrou no “O Estado da Classe”, terem destacado o “excessivo” numerus clausus dos cursos que ministram o mestrado integrado de Medicina Dentária, a falta de regulamentação laboral, a “hiper-regulamentação” da atividade relacionada com as mais variadas entidades reguladoras e, para a falta desta, no que concerne aos planos de seguros e outros sistemas de saúde.

Segundo o SMD, “os intervenientes louvaram a iniciativa, pois tratou-se do primeiro evento que efetivamente proporcionou a participação de todos e influenciou a vontade coletiva de mudança”.

 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?