Saúde Oral

Seguros de saúde impulsionam cuidados dentários

tratamentos dentários

A cobertura dos seguros de saúde e o seu potencial impacto na utilização de serviços dentários tem sido alvo de preocupação da comunidade médico-dentária, sobretudo nos Estados Unidos da América, onde as políticas de saúde pública são alvo de debate há largos anos. De acordo com o Dental Tribune, um estudo que analisou dados sobre pacientes ao longo de 18 anos revela que ter acesso a tratamentos dentários é fundamental para responder às necessidades de pacientes infantis.

Para chegar a esta conclusão, os autores analisaram a ligação existente entre as visitas ao médico dentista e as necessidades dentárias não respondidas nas crianças norte-americanas entre os dois e os 17 anos de idade, com base no tipo de seguro de saúde que possuíam.

Os principais resultados mostram que durante o período de análise – 18 anos – o número de crianças sem seguro de saúde diminuiu em cerca de 58%, com uma mudança substancial de uma cobertura de seguro privada para pública.

E apesar de as crianças com seguros privados terem uma taxa significativamente mais baixa de necessidades não respondidas e uma taxa de frequência de visitas dentárias mais elevada do que as crianças com seguro público, os números agora revelados mostram que os seguros de saúde públicos têm conseguido diminuir as necessidades de cuidados dentários desde 1997, com uma quebra de 14,5%.

Conheça o estudo em detalhe aqui.