Médicos Dentistas

Receita em papel termina em março de 2020

receitas

A partir de 31 de março de 2020 deixarão de ser prescritas receitas em papel e todos os médicos dentistas passarão a realizar as respetivas prescrições eletronicamente, à exceção de casos em que ocorra “falência do sistema informático, de indisponibilidade da prescrição através de dispositivos móveis,ou nas situações de prescrição em que o utente não tenha a possibilidade de receber a prescrição desmaterializada ou de a materializar”.

Apesar da portaria assinada pelo ex-secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, já estar em vigor, tinha sido definido um período transitório até 31 de março de 2020, data a partir da qual os médicos deixarão de prescrever receitas manualmente, mesmo os inscritos nas respetivas ordens como inadaptados.

Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) vão disponibilizar formação para auxiliar os médicos nesta transição.