Saúde Oral

Mundo A Sorrir promove projeto de saúde oral para pessoas em situação de sem-abrigo no Porto

A Mundo a Sorrir viu aprovada a Iniciativa de Inovação e Empreendedorismo Social “Prevenir, Capacitar e Incluir”, cofinanciada pelo POISE (Programa Operacional Inclusão Social e Emprego), tendo como investidor a Câmara Municipal do Porto.

O projeto tem como objetivo prevenir as doenças orais e promover a saúde oral junto das pessoas em situação de sem-abrigo do concelho do Porto. Como? Através de iniciativas de prevenção e promoção de saúde oral, especificamente sobre doenças orais associadas a comportamentos de risco e à ausência de hábitos de higiene oral.

“O principal impacto social que se pretende alcançar é a melhoria da saúde oral e da qualidade de vida destas pessoas”, explica a ONG em comunicado.

Além da realização de sessões de informação e capacitação, de rastreios orais e do encaminhamento dos casos mais graves para serviços de saúde oral públicos e/ou de resposta complementar, o projeto pretende intervir junto dos profissionais que trabalham nas instituições sociais para que também fiquem capacitados para atuar na área da promoção de saúde oral, nomeadamente nos hábitos de higiene oral e da prevenção das doenças orais.

O desenvolvimento de “oficinas” de saúde oral pretende dar uma oportunidade aos profissionais para melhorarem as suas competências e capacidades, com o propósito de implementar boas práticas em saúde oral no contexto institucional, com continuidade no futuro.

A iniciativa “Prevenir, Capacitar e Incluir” terá início em agosto de 2020 e desenvolverá as suas atividades ao longo de três anos, no concelho do Porto, abrangendo 600 pessoas em situação de sem-abrigo e 50 instituições sociais.

A Mundo a Sorrir foi assim novamente distinguida pelo Portugal Inovação Social, no âmbito do Programa Parcerias para o Impacto.