Eventos

Já há programa para o 4.º Congresso Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial

Foi anunciado o programa do 4.º Congresso Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial: as guidelines, a decorrer nos dias 15 e 16 de maio, na Fundação Bissaya Barreto, em Coimbra. No dia 14 de maio vai realizar-se ainda o curso pré-congresso.

O primeiro dia, 14 de maio, será dedicado aos workshops, que abordarão temas como o Bruxismo e Apneia, Artroscopia, Mindfulness e Goteiras oclusais. O dia 14 contará com oradores de referência mundial em disfunção temporomandibular, como Gilles Lavigne e Cibele Dal Fabbro, com “Tratamentos da SAOS e roncopatia com aparelhos orais”, Rafael Martin Granizo com “Artroscopia da ATM”; Eduardo Januzzi e Luciano Ferreira com “Viscossuplementação do compartimento da ATM guiada por US”; Sónia Gregório com “Mindfulness e dor: conhecer os benefícios e compreender a prática de mindfulness no alívio da dor e sofrimento”; Juan Mesa com “Novas vias de abordagem ecoguiadas com técnicas invasivas da musculatura craniocervical no tratamento da dor orofacial”; Ricardo Dias e Pedro Cebola com ”Goteiras na era digital: Convencional Vs CAD-CAM”; e Sílvia Hitos com “Avaliar e tratar a mastigação: como fazer?”.

Nos dias 15 e 16 de maio estarão presentes vários palestrantes acima mencionados, como Gilles Lavigne, Rafael Martin Granizo, Cibele Dal Fabbro, Eduardo Januzzi e ainda Joanna Zakrzewska, Sílvia Hitos, Sérgio Neto, Filipe Palavra, Pedro Trancoso, José António Pereira da Silva,Teresa Sobral Costa, David Sanz e Lourdes Maniegas Lozano, Sónia Gregório e Paula Castilhos Freitas.

Na tarde de dia 16 haverá uma sessão dedicada à sumarização das guidelines abordadas ao longo de todo o congresso.

No final de cada palestra haverá lugar à discussão e partilha de informação.

Todos os congressos contam com um manual, distribuído de forma gratuita a todos os congressistas, que é subordinado ao tema principal e que é anteriormente desenvolvido por todos os palestrantes e membros da Sociedade Portuguesa de Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial (SPDOF), para garantir a capacidade de consulta e estudo, bem como facilitar a consolidação de conhecimentos.

As inscrições podem ser realizadas através do site https://www.spdof.pt/congresso-2020/ e, até ao dia 15 de março, terão preços especiais.

A Sociedade Portuguesa de Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial (SPDOF) surgiu em 2014 pela mão de médicos dentistas, médicos de cirurgia maxilofacial, fisioterapeutas, terapeutas da fala e psicólogos. Estes profissionais, “movidos pela necessidade de partilha de conhecimento científico, de um melhor entendimento e coordenação das diferentes áreas de atuação em prol do doente e do enorme gosto pela temática” têm vindo a desenvolver inúmeros eventos que envolvem um crescente número de profissionais de saúde das mais variadas áreas, afirmou fonte da sociedade numa nota enviada à SAÚDE ORAL. Atualmente, a SPDOF já conta com centenas de sócios.

Ao longo destes anos a SPDOF já realizou três congressos (Coimbra 2015, Lisboa 2016, Santo Tirso 2018), várias formações contínuas (2019, Coimbra, Lisboa e Porto) e meeting days (2017, Porto e Faro).