Médicos dentistas

Investigadora portuguesa premiada internacionalmente

A investigação desenvolvida no laboratório de cultura celular do Grupo de Investigação em Biologia e Bioquímica Oral (GIBBO) da Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa (FMDUL) foi distinguida internacionalmente no Congresso Anual da Divisão Europeia da International Association for Dental Research (IADR), que decorreu entre os dias 19 e 21 deste mês, em Madrid.

O trabalho de investigação premiado, intitulado The influence of a Laser modified Zirconia implant surface on human osteoblasts in vitro behaviour e apresentado pela médica dentista Beatriz Fernandes, recebeu o primeiro lugar do Junior Robert Frank Award 2019. Este prémio visa distinguir jovens investigadores no âmbito europeu que realizam investigação nas ciências básicas e clínicas de medicina dentária.

A investigação desenvolvida enquadra-se num projeto multicêntrico financiado pela Fundação de Ciência e Tecnologia, desenvolvido na FMDUL sob a coordenação dos professores António Mata e João Caramês, em colaboração com a Universidade do Minho, com a equipa do professor Filipe Silva, e tem como objetivo o desenvolvimento e estudo de novas superfícies de implantes dentários.

O trabalho apresentado contou ainda com a participação dos investigadores Mariana Cruz, Óscar Carvalho, Sara Madeira e Joana Marques.