Quantcast
dentistas

Inteligência emocional afeta relação de dentistas com pacientes

Falta de dentistas em Macau é oportunidade para Portugal

A inteligência emocional – capacidade de controlar as emoções e reconhecer as dos outros – foi identificada por especialistas como um fator chave na performance dos médicos dentistas.

Um grupo de investigadores referiu que valores elevados de inteligência emocional têm uma relação direta com a excelência nas práticas clínicas dos dentistas.

O estudo envolveu cerca de 100 alunos do terceiro e quarto ano da Escola de Medicina Dentária de uma universidade norte-americana, que completaram um questionário sobre auto-consciência, auto-gestão, consciência social e gestão de relacionamentos. A sua performance clínica, incluindo o diagnóstico, o planeamento do tratamento e a gestão de pacientes foi avaliada por dois investigadores.

 

Depois desta análise, os investigadores concluíram que existe uma relação direta entre elevados níveis de inteligência emocional e uma boa prestação clínica. Capacidades como o auto-controlo, a confiança e a adaptabilidade foram indicadores significativos das notas a nível clínico.

Os investigadores defendem agora que os pacientes e os dentistas podem beneficiar da aprendizagem de competências de inteligência emocional.

 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?