Quantcast
 

Estado contrata 15 médicos uruguaios

Estado contrata 15 médicos uruguaios

O Estado português vai contratar, por um período de três anos, 15 médicos do Uruguai para os serviços de emergência médica dos hospitais e está a estudar o alargamento desta experiência a outros países.

A medida foi avançada pela ministra da Saúde ontem, durante o debate realizado a pedido do CDS-PP sobre politica de saúde, em resposta a uma pergunta dos democratas-cristãos sobre como vão ser substituídos os médicos espanhóis que durante anos trabalharam em Portugal e que agora começam a regressar ao seu país.
Face à falta de médicos formados em universidades portuguesas, um problema que Ana Jorge admite que se pode vir a agravar no prazo «de quatro a cinco anos» a contratação de médicos uruguaios é, na óptica da governante, uma das formas de resolver esta situação, citou o “Diário Digital”.
A contratação destes 15 clínicos surge no âmbito de um protocolo entre Portugal e o Uruguai, pelo que a ministra considera que esta experiência «pode ser alargada a outros países», apesar de não ter avançado com mais pormenores. 

Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?