Saúde Oral

Dentistas da Madeira querem novo programa de saúde oral na região

A delegação da Madeira da Ordem dos Médicos Dentistas defendeu esta semana que o Governo Regional deve relançar um programa de promoção da saúde oral. De acordo com a delegação, o aumento no número de crianças que sofrem de cáries dentárias torna urgente a retoma de iniciativas de consciencialização.

O programa de promoção da saúde oral da Madeira tem estado suspenso por falta de recursos financeiros. “Temos, de algum modo, de investir na área da informação e da promoção da saúde oral, não só nas escolas, mas também na informação aos pais. Não podemos perder aquilo que durante 15 anos fizemos nas escolas da região”, referiu o presidente da delegação da Ordem dos Médicos Dentistas, Gil Alves, citado pelo Diário de Notícias da Madeira.

Gil Alves revelou também que existem registos de um aumento de doenças orais na região autónoma, nomeadamente de cáries dentárias e de doenças da gengiva. “Vemos cada vez mais, na nossa prática clínica, crianças de 3 e 4 anos com lesões da doença cárie dentária”, explicou.

Para o presidente da delegação da Madeira da Ordem dos Médicos Dentistas, é preciso investir mais na prevenção das doenças do que no seu tratamento.