- Saude Oral - https://www.saudeoral.pt -

Crianças obesas apresentam menos cavidades dentárias

Uma equipa de investigadores do Eastman Dental Center, da University of Rochester Medical Center, analisou cerca de 18.000 crianças que participaram em dois inquéritos do National Health and Nutrition Examination (NHANES III and NHANES 99-02, na sigla em inglês).
Segundo o estudo, citado pelo “ScienceDaily”, não foram encontradas diferenças a nível das taxas de cáries dentárias nas crianças com idades compreendidas entre os 2 e os 5 anos em termos das variações de peso. É igualmente referido que as crianças entre os 6 e os 18 anos, consideradas obesas ou em risco de virem a ter excesso de peso, apresentaram um risco menor de vir a apresentar cáries em comparação com crianças com peso normal.
«Esperávamos encontrar mais doenças orais em crianças obesas de todas as idades, tendo em conta os factores causais que são geralmente associados à obesidade e ao aparecimento de cáries», contou Dorota Kopycha-Kedzierawski, do Eastman Dental Center, que conduziu a pesquisa.
«As nossas descobertas levantam mais questões do que respostas. Por exemplo, será que os hábitos alimentares baseados em gorduras para as crianças que sofrem de obesidade são preferíveis em relação às cavidades dentárias que resultam do consumo excessivo de açúcar? Serão as suas dietas idênticas às das crianças com peso normal mas conduzem a estilos de vida mais sedentários? São necessárias investigações que analisem tanto os tipos de dieta como o estilo de vida para que se possam compreender melhor estes resultados», concluiu.