Quantcast
 

Actualidade: Profissional prevenido vale por dois

Uma vez que a inscrição por parte dos profissionais ao Programa Nacional de Promoção da Saúde Oral registou uma amplitude significativa, aquele programa, conforme o planeado, vai começar a ser desenvolvido, em termos práticos e efectivos, no próximo mês de Maio, o mês escolhido para a realização de duas sessões informativas.
 

A primeira sessão será no dia 5, em Lisboa, e a segunda no dia 8, na cidade do Porto, dado que, segundo elucida o bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), Orlando Monteiro, «se prevê que nessa altura o programa esteja já no terreno e a ser emitidos os cheques-dentista».
Ambos os encontros visam, de acordo com o respectivo programa, «elucidar os médicos dentistas sobre os procedimentos adoptados e a forma como a interacção médico dentista/centro de saúde/ ARS se deverá desenrolar».
Além disso, os participantes poderão assistir a apresentações de actualização de conhecimentos sobre assuntos directamente relacionados com os projectos que se vão inaugurar.
Direccionadas não só a médicos dentistas, como também a médicos estomatologistas, de saúde pública e de clínica geral, higienistas orais e enfermeiros, estas duas sessões contarão com a comparecência de representantes das diversas instituições envolvidas no PNPSO.<br>
«Achámos que faria todo o sentido convidar representantes de outras entidades para uma iniciativa que é aberta a vários grupos profissionais», sustentou Orlando Monteiro. «Esta cooperação estratégica permite criar uma forma de nos irmos habituando a actuar dentro de algumas normas e regras de funcionamento do SNS», frisou, ainda.

Para mais informações, consulte a edição nº 60 da revista SAÚDE ORAL.

 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?