- Saude Oral - https://www.saudeoral.pt -

Universidade portuguesa desenvolve máscara para pacientes com dificuldades de deglutição

As Faculdades de Medicina (FMUP [1]) e Engenharia (FEUP [2]) da Universidade do Porto, com a colaboração do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga, desenvolveram uma máscara facial para auxiliar pacientes com dificuldades de deglutição [3].

Segundo explica o Jornal de Notícias [4], a máscara vai ser produzida pela multinacional portuguesa Simoldes e tem uma parte amovível que permite o acesso à cavidade oral do paciente sem remover a máscara.

 

A máscara é “dividida em dois componentes, um superior fixo na testa e um inferior amovível que permite o acesso à cavidade oral do paciente sem remover a máscara. Possui ainda a possibilidade de ser ligada a um sistema de aspiração”, explica o investigador do Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial (INEGI) e professor na FEUP, Joaquim Gabriel Mendes.

A nova máscara tem como intuito servir como equipamento de proteção individual em diferentes situações, nomeadamente nos casos de doentes que apresentam disfagia ou alterações da motricidade oral após a ocorrência de um acidente vascular cerebral, entre outras patologias.

 

Segundo a Lusa, a investigação que resultou neste equipamento teve como base as preocupações ligadas aos constrangimentos provocados pela pandemia da covid-19.

Esta invenção já motivou um pedido de proteção de propriedade intelectual ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial, através do gabinete de transferência de conhecimento U.Porto Inovação