Quantcast
Empresas

Setor dentário recupera apesar de instabilidade

As vendas das empresas do setor dentário estão a recuperar. No primeiro trimestre deste ano, a BIOLASE aumentou as receitas em 70%.

As vendas das empresas do setor dentário estão a recuperar. No primeiro trimestre deste ano a fabricante BIOLASE alcançou receitas de 6,6 milhões de euros, um aumento de 70% quando comparado com os 4,7 milhões do primeiro trimestre afetada pela pandemia, avança o Dental Tribune International. A empresa afirma que 79% de todas as suas vendas tinham vindo de novo utilizadores e que 36% eram de especialistas do setor dentário.

Já a Envista teve um crescimento 29,6% no primeiro trimestre, face ao período homólogo. De 547,2 milhões de dólares em vendas, aumentou para 709,2 milhões.

O presidente e CEO da Envista, Amir Aghdaei, explica que a empresa está a ver “uma procura por serviços dentários nos nossos mercados desenvolvidos perto de níveis pré-pandemia, com as perspetivas dos consultórios dentários a mostrarem melhoria sequencial. Depois de se ajustarem ao novo modelo operativo, incluindo um foco mais forte e protocolos de prevenção de infeções, os médicos dentistas estão agora mais confiantes nas perspetivas a longo prazo do seu negócio”.

Apesar da melhoria, o chefe financeiro da empresa, Howard Yu, alerta que “apesar de os volumes de pacientes estarem geralmente a melhorar [em relação ao trimestre anterior] e a aproximarem-se dos níveis pré-pandemia, temos visto o impacto de um lançamento inconsistente de vacinas e picos locais nas infeções por covid-19 em várias áreas geográficas, incluindo o Canadá e partes da Europa Ocidental”.

Outra empresa do setor, a Dentsply Sirona, aumentou em 17,5% as suas receitas alcançado mais de mil milhões no período, em contraste com os 874 milhões no primeiro trimestre do ano passado. “Estes resultados reforçam a nossa visão da medicina dentária como uma necessidade com tendências de crescimento subjacentes resilientes” afirmou o diretor financeiro da Dentsply Sirona, Jorge Gomez.

Medicina dentária estética

As vendas da Straumann aumentaram 72% na região da Ásia-Pacífico, 32% na região da Europa, Médio Oriente e África, e 19% na América do Norte.

Já as da Align Technology aumentaram 62,4%, em comparação ao primeiro trimestre do ano passado. O volume de alinhadores invisíveis aumentou 65,8% face ao primeiro trimestre de 2020, alcançando os 595 800 alinhadores invisíveis. Comentando este aumento, o CEO da empresa, Joe Hogan, afirmou: “[O crescimento] foi impulsionado pela força tanto nos segmentos de mercado adulto como adolescente, através de produtos e canais de clientes, especialmente na América do Norte e na região [Europa, Médio Oriente e África], liderada pelo Reino Unido, Alemanha e França”.

Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?