- Saude Oral - https://www.saudeoral.pt -

Reino Unido: 300 milhões de tubos de pasta de dentes vão para aterros

Os tubos de pasta de dentes [1] que não podem ser reciclados ascende aos 300 milhões, por ano, no Reino Unido. Esta quantidade é suficiente para dar a volta ao mundo duas vezes, afirma o Dental Tribune International [2].

A empresa britânica de gestão de resíduos BusinessWaste.co.uk [3] está preocupada com este volume de resíduos de plástico e pede alternativas sem plástico.

 

“A pasta de dentes é um item de higiene essencial que as pessoas vão sempre comprar “, disse o porta-voz da BusinessWaste.co.uk, Mark Hall.  “No entanto, o problema é a embalagem; será que realmente precisa vir em um tubo de plástico?”, questionou.

Os tubos são geralmente feitos de diferentes tipos de plástico, e muitas marcas contêm uma camada metálica dentro do tubo que não é fácil de separar do plástico. “Muitos tubos de pasta de dentes têm aquela camada de alumínio para mantê-los frescos, mas isso faz com que seja um pesadelo de reciclagem”, explicou o responsável, “por isso, infelizmente, a maioria dos tubos vai acabar num aterro”.

 

De acordo com a BusinessWaste.co.uk, em média, demora 500 anos para um tubo de pasta de dentes degradar-se totalmente num aterro.

O porta-voz da empresa nota ainda o facto de até 10% do produto manter-se nas embalagens. Para solucionar a questão, a BusinessWaste.co.uk sugere a utilização de frascos de vidro de pasta de dentes (em pó, tablete ou forma de pasta regular) ou pasta de dentes sólida como barras ou varas. Além disso, recomenda explorar a opção de compra de escovas de dentes de bambu ou cabeças recicláveis para uma escova de dentes elétrica.