Quantcast
Médicos Dentistas

Recrutamento para profissionais da dentária aumenta nos Estados Unidos da América

A American Dental Association (ADA) revelou que o recrutamento para profissionais está a aumentar no país norte-americano.

A American Dental Association (ADA), com base no inquérito de novembro sobre o impacto económico da covid-19 na prática dentária, revelou que o recrutamento para profissionais está a aumentar no país norte-americano.

Em comunicado, a associação informa que um em cada três médicos dentistas (33%) considera que necessita de mais elementos na equipa para o mesmo número de pacientes, quando comparado ao período pré-pandemia.

 

Além disso, 35% dos médicos dentistas têm recentemente ou estão atualmente a recrutar um higienista dentário. Já 40% recrutaram um assistente dentário. Cerca de nove em cada 10 médicos dentistas indicam que tem sido “extremamente” ou “muito” desafiante recrutar higienistas dentários e assistentes dentários em comparação com o período antes da pandemia da covid-19.

 

O vice-presidente e economista-chefe do Health Policy Institute da ADA, Marko Vujicic, afirmou que “para quase todas as posições na equipa dentária, o recrutamento tornou-se cada vez mais difícil”.

Outros resultados:

  • Volume de pacientes está a 91% dos valores pré-pandemia, o maior valor desde o início do inquérito em março de 2020;
  • A escassez de pessoal é o fator de limitação mais comum para as clínicas que querem ver mais pacientes, seguidos por baixos protocolos de procura e segurança dos doentes.
  • A maioria dos médicos dentistas indicou que o preço das máscaras cirúrgicas duplicou e 47% indicaram que as luvas triplicaram no custo desde o início da pandemia.
  •  Em geral, os médicos dentistas mais jovens têm confiança na recuperação e maior intenção de contratar e investir em novos equipamentos e tecnologia nos próximos meses.
 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?