Quantcast
Investigação

Pessoas que contraíram a covid-19 reportam problemas de saúde dentária

O agravamento dos problemas dentários faz parte dos efeitos secundários da covid-19, além da fadiga prolongada, afirmam os especialistas. Dentes que caem, que ficam cinzentos ou que lascam e gengivas sensíveis são as consequências reportadas por pessoas que contraíram a infeção.

Farah Khemili, uma mulher de 43 anos, disse ao New York Times que estava a comer um rebuçado de menta quando sentiu uma sensação estranha e percebeu que um dente inferior estava a abanar. No dia seguinte, sem dor nem sangue, o dente caiu.

A mulher, que contraiu o novo coronavírus em abril, pertence a um grupo de apoio a pessoas que experienciam sintomas de longa duração da doença – cérebro enevoado, dores em todo o corpo, de acordo com o New York Times. Nos encontros, Farah Khemili descobriu que outras pessoas descreviam problemas dentários.

Além de dentes que caíram após contraírem a infeção, antigos pacientes queixavam-se de sensibilidade nas gengivas, dentes que ficaram cinzentos ou que lascavam. Estes podem ser efeitos secundários a juntar a outros que começam a ser documentados como dedos dos pés inchados ou perda de cabelo.

Os médicos dentistas são mais relutantes em estabelecer uma ligação entre a covid-19 e a saúde dentária, refere o jornal norte-americano, embora acreditem que pode existir uma relação.

“É extremamente raro que os dentes caiam”, disse David Okano, periodontologista da Universidade de Utah. Mas problemas dentários pré-existentes podem piorar em consequência da covid-19, enquanto os pacientes recuperam de infeções de longa duração. É o caso de Farah Khemili, que já sofria de problemas dentários.

A questão merece atenção, referem médicos e dentistas, sobretudo tendo em conta, dizem, a percentagem de pessoas com 30 anos ou mais que sofrem algum tipo de doença periodontal (infeções, inflamações da gengiva e do osso à volta dos dentes), segundo as estatísticas apuradas pelo Disease Control and Prevention, dos EUA, em 2012.

“Estamos a começar a examinar os sintomas que os pacientes sofrem meses após terem recuperado da covid-19, incluindo estes relatos sobre problemas dentários e perda de dentes”, disse William W. Li, presidente e diretor da uma organização sem fins lucrativos que estuda a saúde e doenças dos vasos sanguíneos, alertando os profissionais para estarem atentos a sintomas inesperados.

Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?