Quantcast
Saúde Oral

Covid-19: OMD reúne com Ministério da Saúde e DGS para criar “estratégia integrada” de saúde

Covid-19: OMD reúne com Ministério da Saúde e DGS para criar “estratégia integrada” de saúde

Os representantes das Ordens Profissionais do setor da saúde reuniram, na semana passada, com o Ministério da Saúde e Direção-Geral da Saúde para desenvolver uma “estratégia integrada” de saúde adaptada ao outono e inverno.

O encontro, realizado no Auditório do Infarmed – Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, em Lisboa, foi coordenado pelo secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, e pela diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Da parte da Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), marcaram presença o bastonário, Miguel Pavão, e o tesoureiro, Manuel Nunes.

“Nos próximos meses, o sistema de saúde irá enfrentar um esperado aumento da procura de cuidados de saúde, decorrente da sazonalidade das infeções respiratórias causadas pela gripe e outros agentes respiratórios. Este período será, este ano, acrescido das exigências impostas pela covid-19 e antecipação de um eventual aumento da atividade epidémica”, antecipou o Governo no site do SNS.

O principal objetivo deste encontro passa assim pela definição de uma estratégia que permita a preparação de uma resposta do setor da saúde como um todo.

“Durante todo o tempo da pandemia, os médicos dentistas conseguiram dar resposta às necessidades de tratamento da população, atendendo os casos de urgência que surgiram”, referiu Miguel Pavão, citado na página da OMD.

“A medicina dentária está hoje ainda mais bem preparada para enfrentar uma segunda vaga. Os consultórios são espaços seguros e os médicos dentistas estão à altura dos novos desafios”, concluiu o bastonário.

Um inquérito realizado pela OMD, em agosto, a cerca de 40% dos seus membros com inscrição ativa, mostrou que 45% dos médicos dentistas reportam um aumento entre 15 a 30 minutos no intervalo entre consultas; 30%, até 15 minutos; e 15% mencionam um intervalo superior a 30 minutos.

A obrigação da desinfeção dos gabinetes entre consultas foi uma das várias medidas de prevenção de contágio da covid-19 adotadas para a reabertura das clínicas e consultórios de medicina dentária.