Quantcast
Saúde Oral

ADSE: Proposta das novas tabelas de preços com “aumentos significativos” na medicina dentária

Má saúde oral pode estar relacionada com maior risco de desenvolvimento de cancro do fígado

A proposta das novas tabelas de preços apresentada pela ADSE prevê “aumentos significativos” em quase todos os preços do setor dentário aplicados pelos médicos dentistas que têm acordo com o sistema público.

A informação está incluída no parecer do Conselho Geral e de Supervisão (CGS), citado pelo Jornal de Negócios, e visa o aumento de preço de 59 dos 62 atos médicos. Apesar de o documento não apresentar detalhes, o Jornal de Negócios terá tido acesso a uma análise comparativa que representa a variação proposta para os atos em questão. No caso das restaurações, a subida prevista é de 39% do encargo da ADSE e 9% do beneficiário, o que representa um aumento de 18,75 euros e 6,25 euros, respetivamente.

Os valores deverão ainda ser negociados com os prestadores privados e, posteriormente, aprovados pela tutela.

De acordo com a ADSE, o aumento dos preços pretende a remuneração adequada de cuidados cujos preços se encontram desatualizados, e gerar condições para angariar mais prestadores para a rede convencionada.