Quantcast
Saúde Oral

Abordagem preventiva e com o mínimo de invasão: Será este o futuro da medicina dentária?

A médica dentista Victoria Sampson apresentou a sua visão do que antecipa para o futuro da medicina dentária.

A médica dentista Victoria Sampson, uma das 100 melhores recentemente qualificadas médicas dentistas no Reino Unido, em entrevista ao Dental Tribune International, apresentou a sua visão do que antecipa para o futuro da medicina dentária. A especialista acredita que a abordagem preventiva e com o mínimo de invasão tornar-se-á importante para os profissionais da área no futuro.

Na sua opinião, estamos a viver atualmente “numa sociedade na qual os nossos pacientes têm mais conhecimento da sua própria saúde e dos tratamentos disponíveis”. No outro lado da moeda, “enquanto indústria, modernizamo-nos de tal forma que conseguimos apanhar doenças mais cedo e fornecer tratamentos minimamente invasivos. Todos nós vivemos uma pandemia, que nos ensinou a importância da saúde e reforçou a ideia de que a prevenção é sempre melhor do que a cura”, considerou.

 

Victoria Sampson notou ainda que a digitalização é uma das grandes tendências para os próximos dez anos. “Já há tanta investigação a incorporar inteligência artificial e reconhecimento de imagem para nos ajudar a diagnosticar e monitorizar doenças dentárias e sistémicas. Acho que isto em breve não será uma coisa do futuro, mas algo que usamos para nos ajudar todos os dias”, ressalvou.

A médica dentista espera também que a importância da saliva seja cada vez mais vista como algo importante pelos profissionais, face à quantidade de informação que esta pode providenciar.

 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde oral?