Saúde Oral

Sabia que os dentistas ucranianos estão a ajudar militares em zonas de guerra?

homem no dentista

Dentes saudáveis, militares fortes? Talvez! Uma história recentemente publicada pelo britânico The Guardian mostra que pode muito bem ser assim: um grupo de dentistas ucranianos trocou o ambiente estéril das suas clínicas dentárias e voluntariou-se para ir para zonas de combate para tratar os dentes de soldados que combatem na guerra do Leste do país.

Falamos da Ukrop Dental, uma organização criada por um ‘médico dentista-ativista’ de 52 anos que, depois de prestar cuidados a algumas tropas a combater nesta guerra percebeu que a grande maioria dos soldados, e civis das zonas de conflito, enfrentava graves problemas dentários.

Igor Yaschenko explicou ao jornal britânico que “esta é a nossa filosofia: cure a dor e irá lutar melhor na batalha. Dentes saudáveis fazem soldados mais fortes”.

Por isso mesmo, a Ukrop Dental tomou conta de um edifício abandonado, com paredes e janelas completamente destruídas pela guerra, e criou lá a sua ‘base de combate’: uma clínica dentária improvisada com equipamentos doados por outros médicos dentistas do país e de toda a Europa.

De acordo com o The Guardian, o principal problema que estes militares enfrentam e que tem contribuído para o declínio da sua saúde oral prende-se com o facto de enfrentarem condições de stresse, má alimentação e água de má qualidade.

Desde que começou, a Ukrop Dental já conseguiu reunir 80 médicos dentistas voluntários e já realizou mais de 12 mil tratamentos.