Saúde

Invicta recebe estação de saúde com realidade virtual

Invicta recebe estação de saúde com realidade virtual

A Unilabs inaugura esta semana, na Estação da Trindade, no Porto, uma nova estação de saúde com realidade virtual que nasce com o objetivo de “otimizar a experiência do utente” e prestar um “serviço individualizado”.

De acordo com os responsáveis pelo projeto, esta unidade de saúde, onde é possível fazer colheitas de sangue, “foi pensada, sobretudo, para as pessoas que têm dificuldades em realizar análises clínicas, sejam crianças ou adultos, mas também tendo como objetivo oferecer a quem procura este serviço de saúde, uma experiência nova.”

A unidade conta com duas salas de exames temáticas: a primeira disponibiliza óculos de realidade virtual e foi decorada a pensar nos festejos de São João e a segunda foi criada com o objetivo de promover o relaxamento dos utentes, tendo sido decorada com um jardim vertical e prumos de madeira no teto.

Cristina Baldaque, Diretora de Marketing da Unilabs Portugal, sublinha que “a experiência de quem realiza análises clínicas era a mesma há muitas décadas. Sentimos que era preciso inovar e ajudar a melhorar este momento para muitos dos nossos clientes. Temos hoje um conjunto de instrumentos e tecnologias que, aplicadas à área da saúde, permitem proporcionar uma experiência melhor e diferenciada. Esperamos que os clientes passem a encarar estas situações de forma mais natural e positiva, continuando a sentir o profissionalismo e empatia das nossas equipas. Queremos que consigam levar da “estação” da saúde da Trindade um sorriso e uma história única para contar, com a qualidade de resultados que entregamos há mais de 60 anos”.

A Unilabs está presente no mercado português desde 2006 e conta com uma equipa de mais de 2500 pessoas com presença em 14 distritos, atuando em sete áreas, com mais de 900 unidades de atendimento: Análises Clínicas (10 laboratórios), Anatomia Patológica (1 laboratório), Cardiologia (13 unidades), Radiologia (40 unidades), Gastrenterologia (em 6 unidades das 40 de Radiologia), Medicina Nuclear (5 unidades) e um centro de Genética (com mais de 4000 testes disponíveis).