Saúde

Hospital dos Pequeninos: conheça o projeto da FM-UP que quer ajudar pessoas com deficiência

Hospital dos Pequeninos: conheça o projeto da FM-UP que quer ajudar pessoas com deficiência

Decorreu entre os dias 9 e 13 de novembro mais uma edição do Hospital dos Pequeninos, um projeto da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto que este ano quis ajudar pessoas com deficiência a perder o medo das batas brancas, ao mesmo tempo que permite que alunos de várias áreas da medicina testem os seus conhecimentos em ambiente real.

De acordo com o Diário de Notícias, na edição deste ano a iniciativa recebeu apenas pessoas com deficiência, num total de cerca de 1000 crianças dos 3 aos 7 anos de escolas e instituições do Porto, que foram assistidas por 350 estudantes de Medicina, 50 de Medicina Dentária e 50 de Nutrição, todos voluntários.

Mariana Oliveira, do departamento de voluntariado, saúde pública e ação comunitária da Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, revela ao Diário de Notícias que o objetivo desta ação é “tentar combater o medo de ir ao médico, a ideia que o médico pode fazer pior (…) Achamos que é uma população socialmente distanciada e que nem sempre tem acesso a estes conhecimentos. Por isso arranjámos uma forma mais simplificada de lhes dar acesso a informações de nutrição, dentária e outros cuidados de saúde.”

Os responsáveis pelo projeto dizem ainda que o objetivo é “desmistificar a ida ao hospital. Para isso, a criança traz o seu brinquedo preferido que está doente e vem ser tratado – através desta brincadeira os estudantes contactam com a população pediátrica e os mais pequenos ficam mais confortáveis na altura de ir ao médico e/ou ao dentista.”

Na edição deste ano foi dado destaque “à importância da vacinação, abordando ainda a saúde oral e a alimentação correta”.