Clínicas Dentárias

Dentistas espanhóis preocupados com falta de rigor dos estudos de redes dentárias

Dentistas espanhóis preocupados com falta de rigor dos estudos de redes dentárias

O Conselho Geral de Dentistas espanhol publicou na passada semana um comunicado em que se revela preocupado com “a falta de rigor” de alguns estudos publicados “frequentemente por determinadas franquias, seguradoras e redes dentárias”. A organização defende que estes estudos “carecem de uma metodologia adequada” e têm frequentemente como único fim “aparecer em meios de comunicação para publicitar a marca ou a empresa que o realiza”.

O Conselho Geral de Dentistas diz também que “aceitar como válidos estes estudos pressupõe um grave risco, uma vez que as conclusões dos mesmos não são fiáveis”. Além disso, “tomar como certas ou exatas este tipo de informações prejudica gravemente os estudos que são baseados numa metodologia adequada e cuja credibilidade está fora de dúvidas”.

Mais: a organização espanhola refere que “recomenda desconfiar das publicações que careçam de uma ficha técnica onde se especifiquem claramente o tipo de inquérito, a população inquirida, o tamanho da amostra e a margem de erro, assim como outros parâmetros imprescindíveis na literatura científica”.